top of page
  • Diego Schmitz

É possível reduzir as parcelas do financiamento bancário?


É possível reduzir o valor da parcela do seu financiamento. Agora não são todos os casos que isso é possível.


Cuidado! Há várias empresas que enganam os consumidores prometendo reduzir parcela de financiamento, apresentando cálculos totalmente equivocados. Porém, o que muitos não sabem é que esse tipo de procedimento somente pode ser feito por um advogado. Ou seja, a pessoa contrata uma empresa que nem poderia fazer esse tipo de serviço. Vários clientes já foram vítimas dessas empresas e saíram no prejuízo.


Os Bancos cobram juros abusivos em vários tipos de contrato: financiamento de veículo, empréstimos pessoais, contratos de capital de giro para empresas, entre outros produtos.


Somente uma análise feita por um profissional da área poderá identificar alguma abusividade cometida pelo Banco. É justamente por conta dessas abusividades que muitos consumidores conseguem na justiça êxito para reduzir o valor das parcelas do financiamento. Os juros em alguns casos são tão altos que a redução pode chegar a mais de 30% do valor da parcela. Essa redução, considerando o número de parcelas, pode significar um expressivo desconto ao consumidor, podendo facilitar a quitação do contrato ou mesmo a regularização das parcelas em atraso.


Se você está com dificuldades para pagar seu financiamento e acredita que pode estar pagando juros abusivos consulte um advogado especialista em dívidas bancárias, somente um profissional pode analisar seu financiamento e lhe orientar qual medida pode ser adotada no seu caso.


Não acredite em falsas promessas de empresas.


Conhece alguém nessa situação? Compartilhe esse conteúdo com alguém que precisa saber disso e deixe seu comentário abaixo. Se você ficou com alguma dúvida desse conteúdo entre em contato para saber mais. Através do relato de seu caso, preenchendo o formulário do site ou pelo WhatsApp retornaremos seu contato, será um prazer atendê-lo. Nosso escritório é especializado nesse tipo de demanda e diligência para buscar a melhor solução para o consumidor.




 

Por Diego Schmitz. Advogado inscrito na OAB/SC nº 47.266. Especialista em Direito e Negócios Imobiliários pela faculdade Cesusc. Atuante no direito civil, com ênfase no mercado imobiliário e bancário.


15 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Contate-nos

Obrigado pelo envio!

bottom of page